quinta-feira, 18 de agosto de 2016

COMO PARAR DE ABSORVER A ENERGIA NEGATIVA DE OUTRAS PESSOAS:

Deborah Furtado • 5 de julho de 2015

A empatia é a capacidade de reconhecer e sentir as emoções de outras pessoas. Simpatia sentir compaixão por outras pessoas. Muitas vezes para ser um “empata” significa que você estará absorvendo grande parte da dor e sofrimento em seu ambiente, o que pode sacrificar sua capacidade de se expandir a um nível mais elevado.

Se você convive frequentemente com uma pessoa negativa, você sabe o quão tóxica a sua energia pode ser. Aprender a não absorver as energias de outras pessoas é uma grande habilidade espiritual a se desenvolver. Aqui estão cinco maneiras de parar de absorver a energia negativa de outras pessoas.


1) Lembre-se, você não pode agradar a todos

Se alguém lhe assediar moralmente, reclamando sobre você, ou desrespeitar você, não faça de sua missão tentar convencer essa pessoa a gostar de você. Isso só vai sugar você ainda mais o seu campo de energia e vai fazer de você energeticamente dependente da opinião deles.

Nem todo mundo vai gostar de você. Todos estamos, aqui na terra, vivendo com um propósito diferente. Ao amar a si mesmo em primeiro lugar, você irá criar um campo de força em torno de outras pessoas que irá protegê-lo de ser tão esgotado por suas opiniões.

Também lembre-se: você não pode mudar ninguém. Não faça de sua missão tentar corrigi-los nesse momento também. Às vezes, a melhor coisa que você pode fazer é não tentar mudá-los, pois, agindo assim, você não vai alimentar a energia que eles estão projetando em você.

2) Tenha cuidado com quem você convida para a sua vida

Seu corpo, sua mente e o seu ambiente são o seu templo. Quem você está convidando para eles? É um convite aberto? Será que as pessoas ainda limpam os pés antes de caminhar ao redor deles, ou arrastam-lhe a lama de sua alma?

No Brasil existe uma gíria chamada folgado. O significado direto é “solto” ou “preguiçoso”, mas que realmente significa “freeloader”. Não é exato no Inglês equivalente pois é mais uma mentalidade do que um estilo de vida.

Se você dá a uma pessoa um pedaço de pão, um dia, eles vão pedir pão todos os dias. Se você deixar alguém ficar em sua casa para um fim de semana, então eles vão tentar ficar a semana toda (ou duas!).

Uma vez eu pensei que minha esposa estava ficando fria e com um espírito mesquinho para com alguns dos nossos vizinhos. Depois que eu percebi que ela estava apenas respeitando a si mesma e a sua casa! Eu valorizava sua postura e adotei o estilo como meu, a partir daí.

É ótimo ser generoso, mas há uma linha tênue a trabalhar para que você você não seja pisoteado, assim, optando por ajudar aqueles que realmente precisam. Aprenda a dizer “não” é estar bem com isso.

3) parar de prestar atenção

Um parasita precisa de um hospedeiro para sobreviver. Quando você presta atenção em alguém, você está dando-lhe energia. Ou seja, se você se concentrar em vampiros de energia, eles vão entrar em sua mente e vão roubar seus pensamentos, diminuindo drasticamente seus níveis de energia.

Algumas pessoas vão despejar sua energia em você e então dirigir para o próximo “pit stop“. Um ouvido amigo pode ser uma coisa maravilhosa, mas é, necessariamente, uma linha que precisa ser cuidado se se quiser manter a saúde de sua energia.

Talvez você encontrou-se como uma fonte de uma pessoa para retransmitir as suas frustrações no trabalho, um relacionamento ou mesmo realizações bem-sucedidas. Todas estas emoções podem drenar você de várias maneiras e fazer com que você comece a limitar a sua própria vida de maneiras não produtivas.

Ame-se o suficiente para ajustá-los, dizer-lhes para parar, ou dizer-lhes que você não pode lidar com isso agora.Não economize em rejeitar sua energia tóxica.

4) Inspire natureza

Vá para a natureza meditar, relaxar e respirar. Purifique a água dentro de você, exercite e flutue fácil. Esteja como uma borboleta, flutue suavemente, mas mova-se rapidamente. A respiração aumenta a circulação do fluxo sanguíneo ao redor do corpo e ajudará a evitar que você absorva a energia daqueles que o rodeiam. Caminhe com confiança, mantenha a cabeça erguida e não permita que ninguém faça você se sentir inferior. A lagarta come tudo em torno dela e se torna gorda, imóvel.

Deve-se primeiro tornar-se luz, a fim de voar.

5) Tome 100% de responsabilidade por seus pensamentos e emoções

Como você se sente é 100% sua própria responsabilidade.

O universo está enviando pessoas para a nossa vida para nos testar. A percepção que temos de nós mesmos é maior do que a percepção que os outros têm de nós. Você não é uma vítima, ninguém tem poder sobre você. Considere como seus pensamentos ou expectativas podem ter manifestado a situação que está incomodando você. E se a resposta estiver dentro de seu nível de paciência, irritabilidade ou compaixão? A menos que tomemos um tempo para nos observar, nós inconscientemente afirmamos nossa própria vitimização para o mundo que nos rodeia.

Uma vez que você se torna responsável pela maneira que você escolhe responder a algo, você se conecta com você mesmo a um nível mais profundo. Quando você está conectado a si mesmo a um nível mais profundo, você começa a não ser abatido nem projetado para fora de seu centro tão facilmente.

Coloque-se em situações que aumentam as suas próprias energias. Esta pessoa faz com que você se senta bem? Você faz essa pessoa se sentir bem? Você é merecedor de uma experiência brilhante e é hora de perceber isso!

Aprenda a proteger-se contra as energias de outras pessoas e comece com o amor-próprio. Lembre-se de que é importante para você estar feliz e em paz. Esteja pronto para dizer não.

Você é o autor de seu próprio estado energético.

________

Fonte: SPIRIT SCIENCE AND METAPHYSICS – Traduzido pela Equipe de O SEGREDO

FONTE: https://osegredo.com.br/2015/07/como-parar-de-absorver-a-energia-negativa-de-outras-pessoas/

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

LANÇAMENTO DO LIVRO PAZEANDO E OUTROS POEMAS DE PAZ


PAZEANDO E OUTROS POEMAS DE PAZ

 No livro há vinte poemas
 Vinte pérolas de Paz
 Vinte rubis, vinte gemas,
 Vinte Cordéis magistrais
 São telas do meu pincel
 Vêm do Baú de Cordel
 Do poeta Cantador
 Traduz a Paz Social
 Canta a Paz Ambiental
 Produz Paz Interior!
 (MerlânioMaia)

Este poema eu fiz para o lançamento deste meu décimo segundo livro de Poesia Popular, ou Literatura de Cordel.

O lançamento será no próximo sábado dia 20 de Agosto de 2016 às 14 horas no Quiosque da Poesia no Bessa.

É o primeiro livro da Série Baú de Cordel que estaremos lançando daqui pra frente.

Traz vinte Poemas de Paz nos vetores Paz ambiental, Paz Social e Paz Interior.

Um livro que cabe no bolso e no coração.

FATOS DA HISTÓRIA - CARTA TESTAMENTO DE GETÚLIO VARGAS


Revisitemos a História. Com a palavra, Getúlio Vargas:

Carta Testamento

Mais uma vez, as forças e os interesses contra o povo coordenaram-se novamente e se desencadeiam sobre mim.

Não me acusam, me insultam; não me combatem, caluniam e não me dão o direito de defesa. Precisam sufocar a minha voz e impedir a minha ação, para que eu não continue a defender como sempre defendi, o povo e principalmente os humildes. Sigo o destino que me é imposto. Depois de decênios de domínio e espoliação dos grupos econômicos e financeiros internacionais, fiz-me chefe de uma revolução e venci. Iniciei o trabalho de libertação e instaurei o regime de liberdade social. Tive que renunciar. Voltei ao governo nos braços do povo. A campanha subterrânea dos grupos internacionais aliou-se à dos grupos nacionais revoltados contra o regime de garantia do trabalho. A lei de lucros extraordinários foi detida no Congresso. Contra a Justiça da revisão do salário-mínimo se desencadearam os ódios. Quis criar a liberdade nacional na potencialização das nossas riquezas através da Petrobrás, mal começa esta a funcionar, a onda de agitação se avoluma. A Eletrobrás foi obstaculada até o desespero. Não querem que o trabalhador seja livre. Não querem que o povo seja independente.

Assumi o Governo dentro da espiral inflacionária que destruía os valores do trabalho. Os lucros das empresas estrangeiras alcançavam até 500% ao ano. Nas declarações de valores do que importávamos existiam fraudes constatadas de mais de 100 milhões de dólares por ano. Veio a crise do café, valorizou-se o nosso principal produto. Tentamos defender seu preço e a resposta foi uma violenta pressão sobre a nossa economia a ponto de sermos obrigados a ceder.

Tenho lutado mês a mês, dia a dia, hora a hora, resistindo a uma pressão constante, incessante, tudo suportando em silêncio, tudo esquecendo, renunciando a mim mesmo, para defender o povo que agora se queda desamparado. Nada mais vos posso dar a não ser meu sangue. Se as aves de rapina querem o sangue de alguém, querem continuar sugando o povo brasileiro, eu ofereço em holocausto a minha vida. Escolho este meio de estar sempre convosco. Quando vos humilharem sentireis minha alma sofrendo ao vosso lado. Quando a fome bater à vossa porta, sentireis em vosso peito a energia para a luta por vós e vossos filhos. Quando vos vilipendiarem, sentireis no meu pensamento a força para a reação. Meu sacrifício nos manterá unidos e meu nome será a vossa bandeira de luta. Cada gota de meu sangue será uma chama imortal na vossa consciência e manterá a vibração sagrada para a resistência. Ao ódio respondo com o perdão. E aos que pensam que me derrotaram respondo com a minha vitória. Era escravo do povo e hoje me liberto para a vida eterna. Mas esse povo de quem fui escravo não mais será escravo de ninguém. Meu sacrifício ficará para sempre em sua alma e meu sangue terá o preço do seu resgate.

Lutei contra a espoliação do Brasil. Lutei contra a espoliação do povo. Tenho lutado de peito aberto. O ódio, as infâmias, a calúnia, não abateram meu ânimo. Eu vos dei a minha vida. Agora ofereço a minha morte. Nada receio. Serenamente dou o primeiro passo no caminho da eternidade e saio da vida para entrar na história.

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

O BRASIL REAL E O BRAZIL DE FACHADA

Por Merlânio Maia

O Brasil real é este que tem pobre, tem negro, tem gays e tem mulheres e todos são fortes, feitos para vencer, apesar de ter o com o brazil de fachada sempre contra!

Foi esse povo do Brasil real que criou a Arte Popular, o Frevo, o Samba, o Cordel, o Maracatu, o Bumba-meu-boi, o Forró e o Baião, com suas respectivas as dança e todas as expressões de Arte que fazem a grandeza do Brasil real e que invadem as ruas do mundo e juntas ou separadas, enchem de inveja o mundo inteiro, pois o brazil de fachada nada sabe fazer, além de explorar o povo do Brasil real.

É esse Brasil real que forja seus atletas nas comunidades empobrecidas, com bolsas atletas, que tem um povo solidário e afetuoso e seus jovens são fortes e sabem o que querer da vida, precisa apenas de uma, uma somente oportunidade. E será a oportunidade da vida e se agarram a esta e, com sua vitória, levantam bem alto o nome do Brasil real. 

E as estatísticas dizem e provam que são estes perseguidos, segregados, presos e assassinados, apenas por serem os mais empobrecidos ao longo da história de poder do brazil de fachada, pois este não suporta a grandeza do Brasil real. Que utiliza de formas e fórmulas para manter o Brasil real a cada dia mais empobrecido, temendo assim, perderem o poder.

Quanto a esse brazil de fachada, nunca soube o que é Cultura Popular, nascida do meio do povo, a verdadeira Cultura do Mundo, pois somente gosta e copia e cola, as porcarias plastificadas que vem de fora, especialmente de Miami e da Disney e que estejam na moda. 

Esse povo do brazil de fachada é pobre demais, pois seus ricos de fachada, somente têm dinheiro e não conseguem ter mais nenhum valor. Se mantém nos seus palácios, cheios de empáfia e dívidas, que jamais pagarão. E vivem de bajulação dependente dos políticos corruptos para os alimentarem nababescamente, com seus vícios e misérias.

Eles, se multiplicam e criam seus jovens sem ética e moral diante da vida, dando carteirada em autoridades, logo a delinquência apresenta-se como caminho, já que se mantém nos abusos. Não têm limites que a lei é feita para eles se safarem numa impunidade doentia.

É esse brazil de fachada que é vendido! E a tudo vende, pois somente vê valor no dinheiro e no poder enfastiado. É corrompido e corrupto por não saber o valor da vida e de se conseguir mantê-la com muito suor e luta.

E é contra esse brasil de fachada que o Brasil real joga e vai vencer, pois que tem garra, gana e força e trabalha todo dia para alimentar sua família, coisa que o brazil de fachada nem sabe o que seja a palavra manter, nem a palavra família, nem a outra palavra, nação!

Por tudo isso é que esse brazil de fachada, historicamente somente coloca mamulengos como presidente, pois com estes é fácil de manter sua vida repugnante e sem razão de ser. É um brazil sem noção, sem solidariedade, sem valor, sem amor nem fidelidade, logo é um brazil sem futuro! #ForaTemer!

quarta-feira, 27 de julho de 2016

PENSAR DÓI, MAS É BOM


A PROPOSTA DE ESCOLA SEM PARTIDO, É A PARTIDARIZAÇÃO DA ESCOLA!
Por Merlânio Maia

A Escola, em todos os graus, deve ser um palco para o debate e o aprendizado.

Para cumprir a função pedagógica de fato, precisa abrir as mentes e corações para a universalidade de toda produção cultural da humanidade.

Quando vem uma proposta de projeto de Lei como este PROJETO DE LEI DO SENADO nº 193 de 2016, vindo de um senador cantor gospel como Magno Malta, que demonstra seu semi-analfabetismo escolar e político, ou que nada sabe de nada e, ainda busca legislar para estancar a função primordial da Escola, que é de possibilitar uma visão crítica a cada aluno que sentar nas suas cadeiras! Um crime contra a produção do conhecimento neste país.

Como ensinar o Liberalismo, o Marxismo, o Humanismo e tantos "ismos", de que é feita a cultura humana, desde os primórdios, até os nossos dias, sem uma visão crítica de debates livres?

Esta é uma proposta de quem nada sabe de ensinar, pois que nunca soube o que seria aprender.

Esta visão produz uma venda fundamentalista nos alunos, para evitar o crescimento destes, ante a vida e produzir fanáticos e doentes mentais. São estas propostas que mostram o retrocesso cultural do país, pois estes detentores do poder querem estancar o processo de aprendizado tão necessários ao futuro da humanidade.

Como é uma ação fundamentalista, já traz em si mesmo a peja partidária, porém com a única visão míope e doentia de coibir o conhecimento, usando a força da lei, para manter seu partido, tão desprovido de conhecimento, no desejo doentio de calar todo tipo de conhecimento humano para, pelo menos igualar todo alunado brasileiro à sua ignorância perversa e pervertida.

Escola sem partido é coisa de Partido sem Escola!

quarta-feira, 13 de julho de 2016

ESQUERDA E DIREITA


Por Ariano Suassuna
Não concordo com a afirmação, hoje muito comum, de que não mais existem esquerda e direita. Acho até que quem diz isso normalmente é de direita.
Talvez eu pense assim porque mantenho, ainda hoje, uma visão religiosa do mundo e do homem, visão que, muito moço, alguns mestres me ajudaram a encontrar. Entre eles, talvez os mais importantes tenham sido Dostoiévski e aquela grande mulher que foi santa Teresa de Ávila.
Como consequência, também minha visão política tem substrato religioso. Olhando para o futuro, acredito que enquanto houver um desvalido, enquanto perdurar a injustiça com os infortunados de qualquer natureza, teremos que pensar e repensar a história em termos de esquerda e direita.
Temos também que olhar para trás e constatar que Herodes e Pilatos eram de direita, enquanto o Cristo e são João Batista eram de esquerda. Judas inicialmente era da esquerda. Traiu e passou para o outro lado: o de Barrabás, aquele criminoso que, com apoio da direita e do povo por ela enganado, na primeira grande “assembléia geral” da história moderna, ganhou contra o Cristo uma eleição decisiva.
De esquerda eram também os apóstolos que estabeleceram a primeira comunidade cristã, em bases muito parecidas com as do pré-socialismo organizado em Canudos por Antônio Conselheiro. Para demonstrar isso, basta comparar o texto de são Lucas, nos “Atos dos Apóstolos”, com o de Euclydes da Cunha em “Os Sertões”. Escreve o primeiro: “Ninguém considerava exclusivamente seu o que possuía, mas tudo entre eles era comum. Não havia entre eles necessitado algum. Os que possuíam terras e casas, vendiam-nas, traziam os valores das vendas e os depunham aos pés dos apóstolos. Distribuía-se, então, a cada um, segundo a sua necessidade”. Afirma o segundo, sobre o pré-socialismo dos seguidores de Antônio Conselheiro: “A propriedade tornou-se-lhes uma forma exagerada do coletivismo tribal dos beduínos: apropriação pessoal apenas de objetos móveis e das casas, comunidade absoluta da terra, das pastagens, dos rebanhos e dos escassos produtos das culturas, cujos donos recebiam exígua quota parte, revertendo o resto para a companhia” (isto é, para a comunidade).
Concluo recordando que, no Brasil atual, outra maneira fácil de manter clara a distinção é a seguinte: quem é de esquerda, luta para manter a soberania nacional e é socialista; quem é de direita, é entreguista e capitalista. Quem, na sua visão do social, coloca a ênfase na justiça, é de esquerda. Quem a coloca na eficácia e no lucro, é de direita.
Ariano Suassuna (1927 – 2014)

sexta-feira, 17 de junho de 2016

O MUNDO É DA MULHER

O MUNDO É DA MULHER
Poeta Merlânio Maia

Que dizer de quem encanta
Somente em aparecer
Lindeza que se levanta
Aos que têm olhos de ver?
Que ser é este, irmandade,
Que inventa a felicidade
Quando se deseja e quer
Que poder que irradia
De Madalena a Maria
O mundo é da Mulher

De frágil ser pequenino
Cresce e inventa seu mundo
Assim é o ser feminino
No seu sentido profundo
Dá vida, ensina, alimenta,
Ilumina e acalenta,
Faz deles o que quiser
Seu poder é tão imenso
Que muitas vezes eu penso
Que o mundo é da mulher

Sua mente é poderosa
Seu olhar é aguçado
É cheirosa como a rosa
O seu corpo é desenhado
O composto é tão perfeito
Pra ninguém botar defeito
Pesado é o seu mister
Seu veneno fere e mata,
Mas seu carinho arrebata
Eis que o mundo é da mulher

Ela é um instrumento
Que Deus botou sobre a Terra
Na beleza monumento
Que produz a Paz e a Guerra
Seu ventre é veio de vida
Sua alma é possuída
Daquilo que ela quer
Do pecado à santidade
Transita com intimidade
Pois o mundo é da mulher

Homem nenhum lhe entende
Outra nem quer entender
Pra onde o desejo pende
Ela investe seu poder
Pode governar o mundo
Seu universo profundo
Lhe dará tudo o que quer
Por isso, pobre poeta,
Me entrego de alma completa
Que o mundo é da Mulher!!!


Curta no facebook esta página do poetinha #MerlânioPoeta

NA TRISTE NOITE DA CORRUPÇÃO

NA TRISTE NOITE DA CORRUPÇÃO
Merlânio Maia

Eis a nação que sonha embevecida
Ser um exemplo aos povos do futuro
E agora acorda em seu triste monturo
Que foi forjado ao longo de sua vida
Desde o império se inclina em descida
Com sanguessugas que sugando vão
Multiplicando sujeira em seu chão
Frente ao pomposo poder do império
Incomodando heróis no cemitério
Na triste noite da corrupção!

Seus mortos, hoje, tão desesperados
Saem às ruas, levantam bandeiras,
Dançam nas praças, alamedas, feiras...
Profundamente decepcionados
De Tiradentes escuta-se os brados
De Castro Alves a indignação
Voltam os poetas da libertação
Junto aos heróis, do além, republicanos,
Dançam nas noites contra os tais tiranos
Na triste noite da corrupção!

Se o tempo urge, a tal nação se arrasta...
Só vendo seu pobre povo humilhado,
Presenciando o roubo deste estado
Que, a cada dia, da riqueza afasta.
- Aos miseráveis, pão com circo basta!
E a liberdade escorre pela mão
E num crescendo se esparrama ao chão
No gesto tosco desse vai e vem
Só sonhadores gritam do além
Na triste noite da corrupção!

Os pigmeus da moral querem trono
Mesmo levando o país ao abismo
Ninguém vê honra, lisura, altruísmo!...
Brasil delira feito um cão sem dono
m berço esplêndido o gigante é sono,
Enferrujado na acomodação
A idiotice contamina o chão
O povo dorme e o vazio é extenso,
Os mortos gritam vendo o mal imenso
Na triste noite da corrupção!

A hipocrisia é corrente moeda
E a mentira agora é um ideal
A mídia cria a tal versão final
E o fato perde a força e leva queda
Quem mente mais do poder não se arreda
A lama envolve e a TV faz serão,
Faz a cabeça – dona da razão!
E o povo teme e tremendo obedece.
Há uma teia que a aranha tece
Na triste noite da corrupção!

Brasil desperta, apresenta a imponência!
Acorda e grita: Independência ou morte!
Colosso impávido, de infinito porte,
Mostra a lisura da tua inocência
Chama os teus filhos plenos de decência
Expulsa o mentiroso e o ladrão
Levanta o braço de enorme nação
Que vibra dentro do teu forte povo
Faz teus heróis renascerem de novo
Na triste noite da corrupção!

quarta-feira, 11 de maio de 2016

ÉS ARTE

No EJEAS de 2013 estávamos em Cajazeiras quando nos momentos finais a poetisa potiguar nos inspirou este soneto.

ÉS ARTE
Merlânio Maia por inspiração de Auta de Sousa

Alma querida que na Arte entoa
O amor mais puro da estética cristã
Serve a Jesus, colore o amanhã
E te faz luz ante qualquer pessoa

Aonde há dor ampara e abençoa
Sê melodia que asserena, o elã
A ponte, a paz, a luz, a mente sã
Aquela alma cuidadosa e boa

E a cada hora evoca o amor de Deus
E canta em todos os momentos teus
E esparge o amor e a paz em toda parte

Sê instrumento do próprio criador
Leva a canção que é lenitivo à dor

Brilha tua luz, pois tu também és Arte!

segunda-feira, 9 de maio de 2016

O MUNDO É DA MULHER


O MUNDO É DA MULHER
Merlânio Maia

Que dizer de quem encanta
Somente em aparecer
Lindeza que se levanta
Aos que têm olhos de ver?
Que ser é este, irmandade,
Que inventa a felicidade
Quando se deseja e quer
Que poder que irradia
De Madalena a Maria
O mundo é da Mulher

De frágil ser pequenino
Cresce e inventa seu mundo
Assim é o ser feminino
No seu sentido profundo
Dá vida, ensina, alimenta,
Ilumina e acalenta,
Faz deles o que quiser
Seu poder é tão imenso
Que muitas vezes eu penso
Que o mundo é da mulher

Sua mente é poderosa
Seu olhar é aguçado
É cheirosa como a rosa
O seu corpo é desenhado
O composto é tão perfeito
Pra ninguém botar defeito
Pesado é o seu mister
Seu veneno fere e mata,
Mas seu carinho arrebata
Eis que o mundo é da mulher

Ela é um instrumento
Que Deus botou sobre a Terra
Na beleza monumento
Que produz a Paz e a Guerra
Seu ventre é veio de vida
Sua alma é possuída
Daquilo que ela quer
Do pecado à santidade
Transita com intimidade
Pois o mundo é da mulher

Homem nenhum lhe entende
Outra nem quer entender
Pra onde o desejo pende
Ela investe seu poder
Pode governar o mundo
Seu universo profundo
Lhe dará tudo o que quer
Por isso, pobre poeta,
Me entrego de alma completa

Que o mundo é da Mulher!!!


quinta-feira, 31 de março de 2016

POEMA EM DEFESA DA MULHER

POEMA EM DEFESA DA MULHER
Merlânio Maia

Respeite a mulher, seu cabra!
Dê-lhe o direito que tem
Ela tem direito a vida,
Aqui, ali e além
Tem direito ao corpo seu
Amar branco, crente, ateu,
Negro, índio e amarelo
Vestir roupa que quiser
Assim respeite a mulher
Este ser completo e belo

Se ela veste a mini-saia,
Um biquíni ou short curto
Não está se entregando
Também não está num surto
Está vestindo o que gosta
Não está dando resposta
Positiva pra machão
Está do jeito que é
Com sua descrença e fé
Quando ela diz não! É não!

Não venha com intenções
Misóginas e Sexistas
Deixe a sua cavalice
E largue de ser machista
O seu direito termina
Onde nasce o da menina
Não se torne um agressor
Todos tem direito a vida
A liberdade incontida
À alegria, a paz, o amor

Construamos nosso mundo
Onde vigore o respeito
Façamos a sociedade
Um estado de direito
Onde o mais fraco também
Possa mostrar o que tem
De bom a fazer na Terra
Pois essa lei do mais forte
É culpado pela morte
Pelo inferno e pela guerra

A mulher tem competência
Pode ser o que quiser
Presidente da República,
Astronauta e chofer
Advogada, engenheira,
Militar e marinheira,
Política e aviadora,
Atleta e empresária
Dançarina, estagiária,
Juíza e professora

Mãe santa de toda hora
Que socorre, ensina, alenta
Que engravidada pare
Após parir alimenta
Que nos ensina a falar
A andar e a amar
E mostra do mundo a cor
Mulher que engrandece a vida
Entre a chegada e a partida
Deus nos diz que ela é Amor!


terça-feira, 8 de março de 2016

LÁ ESTÁ MARIA MÃE DE JESUS

LÁ ESTÁ MARIA MÃE DE JESUS
Merlânio Maia

Na hora amarga em que seu filho
Agonizava na triste cruz
Cheia de fé em bora em prantos
Lá está Maria, mãe de Jesus!

Também seguiu igual destino
Nos braços nobres do filho em luz
Mas até hoje, se há dor na Terra
Lá está Maria, mãe de Jesus!

Lá na Senzala mísero escravo
Todo em feridas coberto em pus
Sem afastar-se um só momento
Lá está Maria, mãe de Jesus!

Na Casa Grande o senhorzinho
Ardendo em febre olhos sem luz
No seu remorso roga um socorro
Lá está Maria, mãe de Jesus!

Pobre criança sem mãe nem lar
Órfão tão só, nada reluz
Busca um amparo, olha pro céu
Lá está Maria, mãe de Jesus!

Em triste cela, encarcerados
Sem esperanças homens à cruz
Junto a estes tristes e arrependidos
Lá está Maria, mãe de Jesus!

A noite cobre tão triste Umbral
Não há sinal de tênue luz
Mas de repente entoam cantos
Lá está Maria, mãe de Jesus!

No mar sombrio pequeno barco
Perdido, entregue não se conduz
Os pescadores oram contritos
Lá está Maria, mãe de Jesus!

Nos guetos sujos de vício e crime
Jovem caído que a dor induz
Delira e ouve a mãe orando
Lá está Maria, mãe de Jesus!

Ó Mãe Santíssima, de excelsa hora
Nossa Senhora, Anjo da Luz
Vela por nós almas doentes
Que hoje te buscam, mãe de Jesus

Sê nossa fonte de alegria
Pois não chegamos a fazer jus
Da tua presença divina e santa
Doce Maria, mãe de Jesus!


DO MISTÉRIO AO PARAÍSO

DO MISTÉRIO AO PARAÍSO
Merlânio Maia

A mulher é um mistério
Que homem nenhum desvenda
Nenhum filósofo sério
Assumiu essa encomenda
Sua atração tão potente
Gamou, não há ser vivente,
Dali ninguém sai curado
O homem entra iludido
Mandão, forte e destemido,
Sai manso e domesticado

Homem que tinha de tudo
Dinheiro, poder e fama,
A mulher lhe deixa mudo
Com os seus dotes de dama
Eita, bicho poderoso
Ô feitiço mais gostoso
Que faz do homem o que quer
Nada no mundo é mais forte
Nem mesmo a foice da morte
Tem a força da mulher

É um mistério, pois ela
É frágil, doce e melosa,
Cheirosa, atraente e bela,
Cativante como a rosa
Já o homem é todo duro
Desajeitado e inseguro
Bruto ao que der e vier
Mas essa ferocidade
Some na sagacidade
E na astúcia da mulher

Ah! Que coisa mais formosa
Que nos deixa sem juízo
E o seu perfume de rosa
Tem cheiro de paraíso
Não há quem fuja da ceia
Do cantar dessa sereia
Que encantará qualquer
Um que escute esse canto
Tem diabo que vira santo
Pela força da mulher

Há um encanto tão doce,
Tão forte e tão poderoso
Que quando o mundo formou-se
Adão se achava pomposo
Mandando na criação
Mais sabido que o leão
Forte ao que der e vier
Mas esse mundo acabou-se
Quando o coitado encontrou-se
Com a poderosa mulher!

Mas como viver no mundo
Sem carinho, sem afeto,
Sem seu hálito fecundo,
Sem o seu amor completo?
Como viver sem desejo,
Sem a delícia do beijo,
Sem um “pecadim” sequer?
Nada há melhor no juízo
Da mistério ao Paraíso
Que os braços duma mulher!

8 DE MARÇO O POEMA

8 DE MARÇO O POEMA
Merlânio Maia

É hoje oito de março
Não é um dia qualquer
Dia Internacional
Da mulher, pois ser mulher
É ser o útero do mundo
É um aconchego profundo
Divino calor esparso
Dia Internacional
Da mulher especial
Hoje é oito de março

No dia oito de março
Do ano mil e oitocentos
E cinqüenta e sete foi
O ápice dos movimentos
Libertários das mulheres
Lutavam contra os deveres
Em estafantes jornadas
Dezesseis horas por dia
Que toda fábrica exigia
De suas faces suadas

E naquele oito de março
Em New York há alarido
As mulheres já em greve
Fecham fábrica de tecidos
Querem menores jornadas
De trabalho e são trancadas
No ambiente fabril
E como se fosse um jogo
Simplesmente ateiam fogo
Numa crueldade vil

O fogo destrói a fábrica
Incendiando as tecelãs
129 delas
Mártires dos amanhãs
Mas seus ideais buscados
No fogo são inflamados
Vencendo no seu mister
E a sua dignidade
Muda toda a humanidade
Viva a força da mulher!

Mulher que dá vida ao homem
Que nos ensina a falar
Nos mostra os primeiros passos
E nos ensina andar
Seus braços, porto seguro
Seu seio de leite puro
Seu ventre arrebatador
Que dá-nos prazer e vida
Sua beleza incontida
É a pura estética do amor

Por isso é oito de março
Um dia especial
Já que ele representa
O dia internacional
Da mulher! Mulher, mulher...
Que quando deseja e quer
Ao homem ampara e conduz
É a potencia sem fim
Que Deus construiu assim
Exemplo de amor e Luz!

Mulher que inventou família
A criadora do lar
Sensibilidade infinda
Clarividência sem par
A Paz, carinho e ternura
E a segurança mais pura
Nosso anjo protetor
E é pelos carinhos seus
Que entendemos que Deus
A fez a essência do Amor

Não há jóia mais bonita
Mais cara, mais primorosa
Nem há flor que a represente
Nem margarida, nem rosa,
Nada há no mundo que a imite
A mulher não tem limite
Nada iguala aos dotes seus
Oito de Março nos diz:
O homem só é feliz
Com esta jóia de Deus!